Temperos para Carnes Veja Melhores Opções

10/11/2018

A carne de churrasco pode ser preparada em pontos diferentes, cortes mais finos ou mais grossos, cubos de carne no espeto ou mesmo embrulhadas no alumínio. Essas variações, porém, não fazem grande diferença se os cortes não são temperados corretamente, resultando em pedaços sem sabor, muito salgados ou que isolam totalmente o gosto da carne.

Para um bom tempero, não há fórmulas mágicas ou limites, cada pessoa possui gosto particular e, assim, pode encontrar os melhores temperos para carne, adequando o alimento de acordo com as preferência. Porém, há algumas dicas já consagradas que podem ser testadas, ótimas opções para começar a temperar corretamente cada carne e agradar os convidados.

Confira algumas opções de temperos para carne e comece as experiências!

Sal grosso

O sal grosso é o preferido de muitos churrasqueiros. Além de não interferir no sabor característico da carne, ele preserva sua suculência e deixa os pedaços no ponto certo, nem muito salgado e nem sem sabor.

Porém, para um churrasco ainda mais interessante, há sais mais compatíveis, como a "flor de sal" indicada para temperar a carne após ser assada ou o "sal negro", grão de cor mais escura ou avermelhada, bom tanto para carne vermelha quanto para peixes.

Ervas finas

Ervas finas nada mais são do que uma combinação de temperos para carne, como tomilho para opções de carne vermelha ou manjericão para brancas. Esse tipo de tempero acentua o sabor da carne e textura, aprimorando o churrasco.

Para quem gosta de ervas finas, uma dica é combinar diversas hortaliças e fazer um mix de folhas secas, otimizando o tempero. Além disso, elas também podem ser combinadas com o sal e com tipos de pimenta, como a calabresa ou malagueta.

Gordura do corte

A própria gordura de cada peça de carne ajuda em sua suculência, sabor e maciez. Para um bom churrasco, escolha cortes mais gordurosos para que o sabor da carne seja destacado. Se os convidados ou você mesmo não gostar da gordura, espere os pedaços assarem para retirar a gordura após, evitando que a carne fique seca ou muito dura.

Junto com o corte ideal, há maneiras de preparo que ajudam no resultado, como ao assar a carne em fogo brando, usar o alumínio ou mesmo preparar em espetos. Dessa forma, é preciso pesquisar todas as opções e testar as melhores.

Marinada

A marinada é uma técnica em que a carne entra em contato com temperos ácidos, alterando levemente o sabor da peça e garantindo sua maciez.

Para cortes vermelhos, é possível marinar as peças ao vinho tinto misturado com hortaliças, como tomilho, louro e alecrim, deixando os pedaços mergulhados nessa mistura por algumas horas (entre 6 e 12 horas). Depois de pegar o sabor, basta assar a carne e aproveitar!

As dicas de temperos para carnes que demos aqui podem e devem ser testadas de tempos em tempos, além de aprimoradas de acordo com o paladar dos convidados. Assim, todos os churrascos irão agradar os participantes e serão lembrados pelos temperos variados das peças, um diferencial do evento.

Nós, do Sabores da Mesa vamos compartilhar com vocês algumas curiosidades, dicas e receita de camarão, para vocês aprenderem mais sobre camarão.

Nós do Sabores da Mesa, vamos contar um pouco do nhoque, que também é conhecido no termo italiano gnocco, plural gnocchi é uma massa alimentícia preparada a base da mistura de batata, ou macaxeira com farinha de trigo, sendo um prato típico da culinária da Itália, que pode ser servido com os molhos: sugo, bolonhesa ou branco.

Vinícolas saem das tradicionais embalagens de vidro e adotam alternativas menos convencionais para acondicionar vinhos.


O sabor intenso do Unique 70% também faz harmonizações com receitas salgadas! Nessa, preparamos um molho de chocolate e jabuticabas para acompanhar costelinhas de porco assadas!


• 200G DE FILÉ-MIGNON (CORTADO EM TIRAS)
• 1 DENTE DE ALHO (AMASSADO)
• 80G DE CEBOLA (FINAMENTE PICADA)
• 30ML DE AZEITE
• SAL A GOSTO
• PIMENTA-DO-REINO A GOSTO
• 80ML DE DEMI-GLACÊ
• 150ML DE CERVEJA ESCURA

Que tal uma receita da maravilha? Hoje preparamos uma receita especial e saborosa, Picanha Recheada. Mas, não é uma simples receita, é recheada, para dar aquele sabor único e exclusivo, e deixar um gostinho de quero mais. Confira a receita:

Cozinhe a mandioca até ficar macia. Passe por um moedor e acrescente o leite, o requeijão e 20 g de queijo ralado. Leve ao fogo até obter a consistência de um purê e reserve. Tempere a carne, junte o azeite e frite-a. Em seguida, coloque a cebola, o alho e deixe refogar por 5 minutos. Por último, acrescente o cheiro...