10 Dicas de Culinária Que Você Não Pode Perder

20/06/2019

Hoje, vamos trazer algumas dicas de culinária que vocês precisam saber, são fundamentais para sua cozinha, para que sua Receita possa sair deliciosa, basta seguir corretamente as Dicas que seguem logo abaixo: 

Harmonização de Carnes e Vinhos

A maminha possui um sabor suave e uma textura bastante macia. Por isso o corte é utilizado tanto para peças de churrasco, quanto assados e ensopados. Um vinho tinto mais leve e frutado é a combinação perfeita. 

Como descongelar carne mais rápido

Para acelerar o processo de descongelamento da carne, mergulhe o alimento num recipiente com água frita e um pouco de vinagre (algumas gotas). Dessa maneira, você diminui o tempo necessário para descongelar a carne de uma maneira natural. 

Bacon Suculento

  • Corte o bacon em tirinhas;
  • Cubra o bacon com água e ferva;
  • Quando a água evaporar, frite o bacon em fogo médio.

5 maneiras de aproveitar as gemas dos ovos


Muitas vezes fazemos receitas que utilizam somente a clara dos ovos, fazendo com que a gema seja descartada. Não mais! Veja abaixo 5 opções do que fazer com as gemas dos ovos:

1 - Cocada: Um doce cremoso e que não poderia ficar de fora dessa lista, é a cocada. Para prepará-la, você precisa apenas de 4 gemas, coco seco ralado, açúcar e água de coco. Prontinho!

2 - Sorvete de baunilha: Para se refrescar nas altas temperaturas do verão, aproveite essa receita de sorvete, em que você precisará de 4 gemas, leite, açúcar, baunilha e creme de leite.

3 - Maionese caseira: Normalmente, na receita de maionese caseira você utiliza o ovo inteiro. Mas saiba que você pode utilizar apenas as gemas e o azeite no preparo. Para deixar o seu molho com um sabor incrível, adicione ervas frescas. Tá pronta!

4 - Quindim: O quindim é uma receita deliciosa, em que, dependendo da porção, você precisará de aproximadamente 10 gemas. É um fim ideal para quem não quer mesmo desperdiçar as gemas!

5 - Creme de chocolate: Nessa receita, você precisará apenas de uma gema, leite, leite condensado, amido de milho, achocolatado em pó e creme de leite. O importante nessa receita é servi-la gelada, fica super cremoso e você pode utilizar como recheio e cobertura. 

Como descascar batatas facilmente?

  • Ache o meio da batata e faça uma linha com a faca em volta do meio de todas as batatas;
  • Coloque todas as batatas num recipiente, acrescente água e leve ao fogo para cozinhar;
  • Prepare um recipiente com água bem gelada. Adicione cubos de gelo se necessário;
  • Após as batatas terminarem de cozinhar, vá colocando uma a uma dentro do recipiente com água gelada;
  • Agora é só puxar com a mão a casca da batata e ela irá sair praticamente inteira na sua mão.

Como limpar o camarão corretamente

Ao contrário do que muitos imaginam, a cabeça do camarão não contém sujeira e, por isso, não precisa ser retirada.

- Isso também acontece com a casca, que pode ou não ser retirada, dependendo da forma como o camarão será feito.

- Em ambos os casos, o mais importante é lavar bem, utilizando água e, depois, colocando para ferver com um pouco de sal.

- A limpeza de camarões da forma correta deve tirar as duas "tripinhas": uma que fica embaixo, e a maioria das pessoas tira, e a de cima, onde passam as ovas e pode acumular sujeiras e fezes.

- O chef indica passar um palitinho, uma faca pequena ou tesourinha por dentro dessas tripinhas de cima para limpá-las.

- Já a debaixo não basta só limpar, é preciso realmente retirar.

- Depois que estiverem limpos, os camarões podem ficar por até três meses congelados sem sofrerem nenhuma alteração.

Como deixar a carne macia?

Carne bovina

. Frite o bife em frigideira de fundo grosso - e misture manteiga e um fio de óleo para a fritura.

. Não espete a carne durante a fritura, senão, ela perderá o suco natural e acabará ressecada. Para virar, use uma pinça ou espete o garfo apenas no cantinho.

. Tempere assados e grelhados só na hora de preparar. Isso porque temperar de véspera desidrata a carne, endurecendo-a.

. Banhe a carne com caldo de abacaxi - pode usar leite de folhas de mamoeiro também. Isso antes de temperá-la.

. Não adicione água fria em ensopados. Qualquer líquido deve ser previamente aquecido.

. Acrescente bicarbonato de sódio em cozidos, principalmente de costela, músculo,lagarto e coxão duro. Uma colherzinha no tempero basta. Se não tiver bicarbonato, use fermento em pó ou vinagre com azeite. E deixe na geladeira.

. Cozinhe a peça inteira na cerveja: você precisará de uma lata para cada quilo de carne.

. Mergulhe o bife de fígado no suco de laranja. Em alguns minutos, a acidez da carne estará eliminada.

. Deixe o churrasco de molho em sal, limão, suco de laranja e refrigerante à base de cola.

. Asse a picanha com a gordura para cima: a estratégia evita a perda da umidade natural.

Frango

. Pincele o frango assado com manteiga, mas óleo ou margarina também servem. Depois, é só cobrir com papel-alumínio e levar ao forno para assar.

. Prepare um caldo de legumes. Quando estiver fervendo, acrescente o peito de frango, espere um minuto, desligue o fogo e deixe-o mergulhado por mais dois minutos.

. Deixe a carne marinar no shoyu com leite de coco e só tire no dia seguinte.

. Adicione meio copo de cerveja clara no tempero. Vale acrescentar um pouco de vinagre, vinho branco ou conhaque, deixando a carne descansar.

. Tempere com vinagre: depois de descansar no vinagre durante, pelo menos, uma hora, a carne ganhará um sabor especial.

. Coloque uma pitada de fermento em pó no tempero para amaciar a carne. Bicarbonato de sódio também funciona.

Carne de porco

. Deixe a carne marinar doze horas mergulhada no tempero é o mínimo. E adicione um pouco de vinho branco seco.

. Asse o lombo no "bafo": envolva a assadeira com papel-alumínio, sem deixar frestas, e leve ao forno (baixo).

. Regue o pernil com molho. A carne também deve estar embrulhada em papel-alumínio. Como no caso da picanha, vire a gordura para cima, assim ela penetra nas fibras.

. Acrescente suco de laranja ao tempero, pois ele amacia qualquer tipo de carne suína.

Peixe

. Tire a cabeça só depois de assado, senão, a parte cortada sobrará seca e dura.

. Deixe de molho no leite antes de temperar por alguns minutos. Se o peixe for congelado, descongele diretamente no leite, assim ele ficará com gostinho de fresco.

Como fritar qualquer alimento sem sujar o fogão com óleo

Descobrimos que fritar um simples bifinho, além de ser uma batalha dolorida contra o óleo quente, faz uma sujeira tão grande no fogão.
Essa dica é para fritar sem pipocar óleo, evita sujeira e de quebra o bife fica mais dourado e apetitoso.
Você nunca mais vai perder tempo limpando gordura.

Passo a Passo

Ingredientes:
2 Bifes (ou qualquer outro outro alimento que possa ser preparado frito)
Óleo para fritar
1 colher de sopa de Farinha de Trigo

Como fazer:
Coloque o óleo na frigideira e acenda o fogo.
Em seguida coloque a colher farinha de trigo. Não precisa ser muito cheia.
Misture a farinha com o óleo.
Devido a alta temperatura, a mistura vai ganhar uma corzinha dourada. Esse é o ponto certo.
Agora pode colocar o bife para fritar. Se for colocar uma maior quantidade de bifes é só repor a farinha de trigo, da mesma maneira que terá que repor o óleo.

Você vai notar agora que, magicamente, seus braços não estão sendo atingidos por gotinhas de óleo quente, e também que seu fogão continua limpinho, sem uma sujeirinha de óleo.

Pode ficar tranquilo que realmente não pipoca nada de óleo e o bife fica um pouco mais crocante e bem mais dourado.

Fonte: sossolteiros.bol.uol.com.br

Aprenda a harmonizar vinhos com peixes na Páscoa

Confira as dicas para não errar a harmonização dos vinhos com os peixes mais consumidos na Páscoa.

Bacalhau: deve-se optar pelos tipos branco maduro e Chardonnay Novo Mundo.

Salmão: boas sugestões são rosés e pinot noir jovem da Borgonha.

Atum: prefira merlot jovem nacional, rosés e espumante rosés brut nacional.

Sardinha: brancos ácidos, vinhos verdes, pinot grigio da Itália e rosés de vinho verde são os mais indicados.

Cavalinha: riesling da Alemanha, vinho verde e espumante do Loire Blanc, são opções.

Linguado: opte por sauvignon blanc (da França, Chile e Nova Zelândia) ou prosecco.

Truta: prefira branco seco (chablis ou riesling da Alsace) e espumante cava brut.

Cação: os melhores tipos para acompanhar são rosés da Provence, viognier (da França ou Espanha) e espumante brut.

5 dicas para um churrasco perfeito

Para fazer bonito diante dos amigos e conquistar os convidados com uma carne macia, no ponto certo, selecionamos alguns truques do livro Churrasco - Dando Nome aos Bois (Ed. Nacional). O autor, o expert István Wessel, transforma qualquer pessoa em "mestre da grelha". Veja cinco dicas superúteis do especialista para seguir em casa:

1. Os cortes

Prefira peças mais gordas. Não precisa comer a gordura, mas é ela que dá suculência e sabor à carne. Picanha, alcatra, contrafilé e costela são as ideais. Os clássicos linguiça, coração e asa de frango também devem ser lembrados. Se quiser diferenciar um pouco, use peito em vez das asinhas. Ele é mais macio e menos gorduroso.

2. A grelha

A diferença entre a mais elaborada e a mais simples é que na primeira é possível preparar o churrasco com mais facilidade e conforto, já que ela dispõe de espaço maior para acomodar a carne. Dica: os modelos de ferro fundido são ótimos e custam menos.

3. O carvão

Os de madeira de acácia- negra e de eucalipto são os melhores (verifique o tipo na embalagem), porque são homogêneos, não liberam muita fumaça, têm boa textura e rendimento. Dica: se o carvão produzir muito pó e for quebradiço, troque de marca.

4. O fogo

Acenda-o uma hora antes de começar a assar as carnes. Aproveite as cinzas do churrasco anterior e acomode por cima delas o carvão novo. Elas acalmam a brasa e formam uma espécie de película que não deixa a gordura da carne penetrar com intensidade no carvão (a gordura que pinga provoca labaredas e fumaça, podendo queimar os cortes). Não precisa abanar nem assoprar. Deixe o espeto a 40 cm do fogo para proteger a carne e evitar que fique ressecada.

5. O ponto

Corte a carne sempre transversalmente à fibra e procure salgá-la minutos antes de levar à grelha. Dessa maneira, você evita que ela resseque e fique dura (use sempre sal grosso). Procure também não espetar os cortes para não perder o suco. O tempo médio de preparo de uma peça inteira é de 40 minutos.

Atenção: nunca deixe a carne esfriar para servir. Isso faz com que o sabor e a maciez acabem indo embora.

Fonte: mdemulher.abril.com.br/